5 componentes essenciais para o sucesso do aprendizado on-line

0

Os cursos on-line podem ser uma maneira maravilhosa de aprender quase tudo – da contabilidade à zoologia. Pode ajudar a preencher lacunas de habilidades, ganhar créditos em um diploma e contribuir para o enriquecimento pessoal. 

Muitas opções são de baixo custo ou até gratuitas e não há trajeto. Então, todos deveriam se inscrever em aulas on-line, certo?

Antes de mais nada, considere algumas das possíveis armadilhas antes de clicar para se inscrever.

Muitos estudantes acham que tudo que precisam é de um computador e acesso confiável à Internet para obter sucesso em um curso on-line. 

De fato, alguns alunos pensam que os cursos on-line serão mais fáceis do que aprender em uma sala de aula tradicional – ou seja, eles gastam menos tempo e exercem menos esforço.

Porém, para a maioria dos estudantes, e especialmente para os alunos com desafios da função executiva, o aprendizado on-line na verdade exige muito jogo de cintura.

Idealmente, antes que os alunos se inscrevam, eles devem ser capazes de identificar por que um formato on-line é adequado para o que eles querem aprender. 

Além disso, deve-se considerar as habilidades necessárias para ser um aluno on-line de sucesso. A estrutura abaixo vai ajudar a entender melhor e fazer a escolha certa. Veja:

 

Interação

A maioria das opções de aprendizado on-line é assíncrona, o que significa que os alunos podem fazer logon a qualquer momento para ler materiais e concluir avaliações. 

Quadros de discussão e blogs podem ser úteis para simular a participação da sala de aula, mas a dinâmica é diferente, pois essas conversas não são em tempo real. 

Os cursos síncronos exigem que você efetue login em um horário específico, embora sejam menos comuns.

 

Perguntas a considerar sobre a interação em cursos on-line

  • O curso on-line é assíncrono ou síncrono?
  • O aluno se beneficia das conexões presenciais em tempo real de uma sala de aula e o aluno sentiria falta disso?
  • A interação cara a cara sobrecarrega o aluno (por exemplo, um introvertido ou alguém que aprecia tempo para processar informações e depois responder)?
  • Como a aprendizagem será avaliada? Durante um exame ou teste em um curso on-line, geralmente não há instrutor disponível para esclarecer uma pergunta confusa. Como o aluno pode lidar com isso?

Tempo

O aprendizado em sala de aula define os horários de início e fim. Professores e colegas notam ausências, chegadas tardias e partidas antecipadas. Essas sutis pressões sociais ajudam os alunos a assistir às aulas, chegar a tempo e permanecer na aula durante toda a sessão.

Perguntas a considerar sobre o tempo nas aulas on-line

  • O aluno gosta de horários definidos para iniciar e parar?
  • O aluno tem a capacidade de auto-impor horários de início e de término e prestar contas por eles?
  • O aluno tem tempo para se comprometer com uma aula on-line?
  • Quão bem o aluno pode gerenciar seu tempo para concluir as leituras necessárias e concluir as tarefas do curso dentro dos prazos?

 

Exigências de escrita

Muitos cursos on-line requerem escrita constante. Quadros de discussão e blogs são frequentemente usados ​​na ausência de interação em sala de aula em tempo real. 

 

Perguntas a serem consideradas sobre a demanda por escrita nas aulas on-line

  • De quanto apoio o aluno precisa para obter as habilidades necessárias para escrever?
  • Existe ajuda por escrito disponível que um aluno possa acessar facilmente? A escrita disponível será suficiente?

 

Auto-defesa

Um curso on-line de várias maneiras é um estudo direcionado. Os alunos recebem materiais, acesso à experiência do instrutor e avaliações. O instrutor não pode ler a expressão de confusão no rosto de um aluno quando um novo conceito é introduzido. 

Cabe a cada indivíduo avaliar seu próprio progresso e saber quando entrar em contato com o instrutor. Alguns instrutores mantêm o horário de expediente virtual, onde estão disponíveis para conversar online todas as semanas, em um horário definido. Outros responderão a perguntas por e-mail, mensagem ou telefone.

 

Perguntas a considerar sobre auto-defesa em aulas on-line

  • Quão bem o aluno pode avaliar quando precisa de ajuda para apoiar o aprendizado?
  • Quão confortável é o aluno pedir ajuda?
  • O aluno será capaz de obter o feedback necessário para aprender com eficácia?

 

 

Tecnologia

Os cursos on-line geralmente são executados em uma plataforma – um Sistema de Gerenciamento de Aprendizagem (LMS). No ensino superior, os mais comuns são Blackboard, Moodle e Canvas. 

A maioria deles possui orientações on-line para ajudar os novos usuários a entender como acessar o curso, navegar no conteúdo, enviar avaliações, visualizar comentários etc. Os alunos podem precisar do Microsoft Office (pelo menos Word), Adobe ou outros aplicativos, portanto, verifique requisitos do curso.

Perguntas a considerar sobre a tecnologia usada nas aulas on-line

  • Qual plataforma um curso on-line usará?
  • O aluno tem tempo para aprender uma nova plataforma antes do início do curso?
  • Com que rapidez o aluno se adapta às novas tecnologias?
  • Eles sabem como acessar a ajuda da tecnologia?

 

Em resumo, os cursos on-line podem ser ótimos para alguns alunos, e não adequados para outros. O importante é descobrir se há uma incompatibilidade entre o conjunto atual de habilidades de um aluno e a variedade de demandas que a aula on-line apresenta. 

Quando há uma lacuna de habilidades, o treinamento on-line pode ser uma maneira eficaz de desenvolver essas habilidades para ajudar estudantes e adultos a se tornarem aprendizes on-line de sucesso.

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.