Saiba o que é social commerce

As redes sociais vêm ganhando um papel cada vez mais importante no protagonismo da era da internet, que é a que vivemos atualmente. Nesse contexto, o social commerce se tornou uma estratégia indispensável para quem deseja crescer realmente.

De fato, as mídias sociais têm várias vantagens, como a da democratização, já que qualquer um pode criar um perfil gratuito na maioria delas, e simplesmente começar a postar suas novidades e temas de interesse ali.

Por outro lado, quando uma empresa de limpeza e portaria faz isso, ela logo descobre que apesar das vantagens, também existe um desafio gigantesco nesse universo. Afinal, se qualquer um pode estar ali, a concorrência também aumenta.

Diante disto, é muito comum ouvir alguns empresários e gestores reclamando que não obtiveram o resultado que desejam. 

Contudo, trata-se de saber aplicar a estratégia certa, que é justamente o que o social commerce propõe a quem o entende.

Daí a importância de explicar o que exatamente é esse recurso, bem como os modos mais corretos de implementá-lo. Abaixo, listamos as 3 melhores vantagens de usar o social commerce na rotina estratégica de sua empresa.

O que é e como usá-lo?

Na prática, o termo remete à ideia de um “Comércio Social”, no sentido de um esforço de vendas que ocorre sempre por meio das mídias sociais. 

Naturalmente, há diversas plataformas existentes no mercado, além de uma infinidade de modos de agir dentro delas. Aí é que surge o social commerce, como um modo de racionalizar esse processo, otimizando os esforços e ampliando os resultados.

O que fica claro com ele é que já se foi o tempo em que as redes sociais eram apenas entretenimento, ou o local onde pessoas compartilhavam fotos do fim de semana. Hoje, elas se tornaram um mercado poderoso, como um banco com milhões de leads.

Por isso, se uma loja vende cortina motorizada horizontal, imagine quantos interessados ela não pode encontrar em uma mídia social comum, ou mesmo em uma mais nichadas da área de artigos tecnológicos voltados para automação residencial.

Na prática, um social commerce bem estruturado pode incluir os seguintes esforços:

  • Geração de conteúdo;
  • Posts orgânicos;
  • Anúncios (patrocínios);
  • Influencers digitais;
  • Parcerias variadas.

Enfim, são diversos recursos que podem aumentar consideravelmente a ação comercial de qualquer marca. O interessante é que ali você encontra sobre pessoas das novas gerações, que gostam de conteúdo e do universo digital como um todo.

Abaixo vamos aprofundar essas vantagens e benefícios, o que precisa ficar claro é que o social commerce é toda estratégia comercial ocorrida por meio das redes sociais, e que usá-lo é algo fácil e acessível a qualquer empresa de hoje em dia.

1. Crescimento exponencial

Ao falar que as redes sociais são acessíveis, podemos e devemos explicar como elas garantem um crescimento exponencial, segundo uma curva bastante interessante.

Isso porque você pode começar ali desde o absoluto zero, sem investir nem um real em anúncios ou patrocínios. 

Ainda assim, haverá clientes interessados em seu conteúdo, seja ele voltado para um serviço, ou um produto como ferro de passar roupa industrial.

Portanto, com o tempo, você pode ir investindo em anúncios, de modo a atingir cada vez mais pessoas, ou seja, seu crescimento pode ser consideravelmente grande, ao mesmo tempo em que inclui as marcas menores e mais desfavorecidas.

2. O funil de vendas

Outra vantagem incrível do social commerce e das redes sociais como um todo é que elas podem ser aplicadas em qualquer estágio do funil de vendas, que nada mais é do que o aprofundamento da jornada de compra do cliente, mas pela ótica da empresa.

Basicamente, uma empresa precisa da fase de captação de leads, nutrição desses leads, negociação comercial, fechamento da venda e fidelização. Hoje há plataformas que abrangem todos esses níveis, automatizando o processo para você.

3. Monitoramento e reports

Falando em automatização de processo, é incrível como as redes sociais permitem que você tenha um controle maior sobre as estratégias.

Por exemplo, uma firma que trabalha com chave codificada do Celta pode emitir relatórios diários e gratuitos sobre quantos seguidores novos entraram, como foi a interação deles com os posts, quais os interesses principais deles e daí em diante.

Com o tempo, você vai ajustando as estratégias que funcionam melhor, o tipo de interação com o público e até o perfil dele. Isso aumenta consideravelmente a assertividade da empresa.

Considerações finais

Com isso, conseguimos explicar o que é o social commerce, bem como os modos de usá-lo nas estratégias da sua empresa.

Por último, aqui foram listadas as 3 melhores vantagens e benefícios de implementar algo assim no seu negócio, para feitos de curto, médio e longo prazo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.