Como as Tecnologias Têm Mudado o Mercado de Trabalho

0

É fato, as tecnologias estão cada vez mais presentes em nossas vidas, tanto para fins pessoais quanto para fins profissionais.

E, nesse contexto, muita coisa está mudando (ou já mudou) no ambiente de trabalho. 

Reuniões, por exemplo, que antes só podiam ser feitas presencialmente, hoje podem ser realizadas remotamente por meio de softwares como o Skype, Zoom e o Slack.

Ou seja, a forma de trabalhar está se transformando gradativamente e se você não quer ficar para trás, é de extrema importância que você saia da zona de conforto e se qualifique para não perder espaço.

Tecnologias e as mudanças no mercado de trabalho

A utilização de robôs, máquinas e automação está cada vez mais presente em nossa sociedade e só tende a crescer para o futuro do trabalho.

Por exemplo, quem trabalha como caixa de supermercado provavelmente será afetado por esse cenário tecnológico daqui alguns anos.

Afinal de contas, a implantação de caixas “self-service” já é uma realidade no Brasil e o próprio consumidor passa os produtos, empacota-os e realiza o pagamento. O que é vantajoso para donos de supermercados por diversos motivos.

Por isso, estar sempre atualizado e estudando sobre a área que você atua e sobre as novas possibilidades profissionais é essencial.

Capacitação

Desenvolver novas competências e habilidades é algo que precisa fazer parte da vida dos profissionais de hoje em dia.

Não dá para fazer uma faculdade, por exemplo, e pronto, achar que isso é uma garantia de empregabilidade.

O mercado de trabalho está cada vez mais competitivo e há inúmeros casos de pessoas formadas, que possuem diploma e que estão enfrentando dificuldades para conseguir um emprego.

Portanto, é preciso se adaptar a esse cenário e buscar capacitação continuamente.

Novas oportunidades

Além das mudanças citadas acima, as tecnologias também possibilitam novas oportunidades para quem está disposto a se envolver com elas de maneira profissional.

Isso porque hoje em dia com a internet é possível: fazer cursos online, criar um site, um blog, um canal no YouTube, uma página no Facebook ou Instagram, investir em marketing digital, etc.

Ou seja, há diversas possibilidades e oportunidades para mostrar o seu trabalho e também se capacitar. 

Sem contar as novas profissões que só existem hoje por conta dos avanços tecnológicos e da internet. 

Décadas atrás não havia, por exemplo, a profissão de web designer, programador/desenvolvedor, especialista em SEO, analista de mídias sociais, influenciador digital, entre outras.

Todas surgiram nesse novo cenário que estamos vivendo e, se as tecnologias afetam negativamente certas profissões, elas também geram novas oportunidades para quem está disposto a abraçá-las!

Tudo é questão de ponto de vista e se você quer continuar crescendo profissionalmente, capacitação, criatividade, adaptação e inovação precisam fazer parte do seu mindset.

Dessa forma, você estará muito mais preparado para o agora e também para o futuro do trabalho!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.